Novidades
recent

Luz quente ou fria? Escolha a melhor para cada ambiente

blog.targetiluminacao.com.br/luz-quente-ou-fria-escolha-a-melhor-para-cada-ambiente/
Por TargetIluminação

 A luz é um elemento importante dentro da decoração e consegue transformar completamente o aspecto de um espaço com as diferenças de tonalidade. Ainda assim, nem sempre é fácil entender as diferenças entre luz quente ou fria e o papel que ambos tipos de iluminações podem ter dentro da sua casa.
Neste artigo, apontaremos para você as diferenças básicas entre as luzes quentes e frias e mostraremos como os diferentes tipos de iluminação podem ser aplicados em sua casa.

A temperatura de cor ideal depende do ambiente  

Tudo depende, basicamente, do uso que os cômodos de sua casa possuem e do papel que exercem quando você leva amigos para socializar ou decide trabalhar em home office, por exemplo.

Influência na temperatura do ambiente e no gasto de energia 

Um detalhe importante de ser ressaltado é que, diferente do que muitos pensam, a temperatura de cor não tem nada a ver com a temperatura em si do próprio ambiente. Isso significa que usar uma luz quente ou fria não define se o seu ambiente ficará mais ou menos quente.
Além disso, as luzes quentes ou frias consomem o mesmo nível de energia elétrica, não oscilando nos gastos com eletricidade que você tem por mês.
Vale lembrar que, se você quer economizar nos gastos com energia, as lâmpadas LED podem reduzir o seu consumo de energia em até 80%. Em outro artigo, listamos outras 6 dicas de como economizar energia elétrica em casa. Vale conferir!

Como usar as luzes quentes e frias em sua casa

Se você está em processo de reforma ou quer dar uma repaginada nos cômodos de sua casa, aplicar os princípios básicos de luminotécnica é essencial para tornar a sala de estar mais confortável ou transformar seu home office num espaço de maior produtividade.
Abaixo, entenda o tipo de luz ideal para cada espaço da casa.

O branco frio é usado em ambientes que precisam de grande luminosidade 

Lâmpadas de branco frio são ideais para ambientes em que você precisa de grande luminosidade para realizar atividades rotineiras. Difícil imaginar, por exemplo, como seria cortar legumes e carnes numa cozinha com uma luz mais amarelada, não é?
O tom de luz branca fria também é ideal para o banheiro e área de serviço. Em casas maiores, as dispensas também devem ter a luz fria.

O branco neutro pode ajudar em ambientes de trabalho 

Já em ambientes de trabalho, como o home office de sua casa ou a escrivaninha que você mantém no quarto, é fundamental que a luz seja fria, mas não tanto quanto seria na cozinha, por exemplo.
Para essa tonalidade intermediária, que fica entre o tom de luz quente e o frio, damos o nome de branco neutro. Ela te ajuda a manter o foco no trabalho, mas sem cansar por causa da longa exposição a uma luz extremamente fria.
Essa opção também pode ser usada em espaços como o corredor de sua casa ou regiões da sala de estar.

A luz quente é fundamental em ambientes de socialização

Em espaços como a sala de estar, sala de jantar e quarto, a luz quente é a ideal! Além de passar conforto, te ajuda a relaxar e sentir-se em casa.
luz quente, também conhecida como branco morno, é fundamental em espaços onde você costuma receber seus amigos e visitas. Você também pode usá-la na varanda ou na entrada de sua casa, para dar um ar mais acolhedor.

Mesclar dois tipos de temperatura de cor cria ambientes integrados confortáveis

É possível mesclar dois tipos de temperatura de cor dentro de um mesmo ambiente, criando, assim, pequenas “ilhas” de conforto dentro de uma mesma sala de estar, quarto ou cozinha.
Essa pode ser uma dica para casas pequenas ou que precisam integrar vários tipos de ambientes, como cozinha e sala de jantar, em um cômodo só.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.